Notícias

23/01/2021

Ouvidoria Móvel Virtual, novo projeto da OGE/MG, é lançado na abertura da 24ª Mostra de Cinema de Tiradentes

O novo projeto da Ouvidoria-Geral do Estado vai oferecer atendimento on-line aos cidadãos de todas as regiões do estado, através de uma sala virtual de atendimento especializado.

tiradentes int

Ouvidoria-Geral do Estado de Minas Gerais (OGE/MG) lançou, nesta sexta-feira(22/1), na abertura do Festival de Cinema de Tiradentes, mais uma novidade de atendimento ao cidadão: é a Ouvidoria Móvel Virtual (OMV). O governador do Estado de Minas Gerais, Romeu Zema, participou da abertura da cerimônia on-line, ao lado do secretário de Cultura e Turismo, Leônidas Oliveira.

O novo projeto foi criado para atender aos cidadãos mineiros, de forma remota. Ele vai permitir que o usuário tenha como interagir com o Estado, por meio de uma sala virtual, com atendentes especializados para tratar sobre qualquer assunto, como manifestações e sugestões sobre os serviços públicos estaduais.

 “ Esse ano, inauguramos uma parceria com a Ouvidoria-geral do Estado de Minas, marcando presença, oferecendo, durante todo o evento, um plantão especial para toda a sociedade mineira. Eu acho essa iniciativa extremamente essencial num governo de transparência”, disse a coordenadora do evento, Raquel Hallak, na abertura da edição de 2021, cujo tema é “Vertentes da Criação”

A ouvidora-geral do Estado, Simone Deoud, destaca que a Ouvidoria Móvel Virtual é mais um projeto da OGE/MG, ao lado da criação do Canal Coronavírus, para manter a eficiência e a qualidade dos serviços públicos prestados pelo governo do Estado à população mineira.

“ Os avanços da tecnologia têm nos permitido continuar trabalhando para que, mesmo de forma remota, o usuário mantenha permanente interface com Estado. O lançamento desse projeto da OGE na 24ª edição da Mostra de Cinema de Tiradentes - evento de relevância impar artística e cultural, numa verdadeira demonstração do esforço conjunto dos segmentos público e privado, na adoção de ações estratégicas eficazes para a garantia da continuidade da prestação dos serviços ao nosso cidadão, principal acionista do governo”, disse Deoud. 

Projeto

A OMV é uma remodelagem da Ouvidoria Móvel, que percorre os municípios do interior e Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) para atender o cidadão de forma presencial. No momento, o atendimento pelo ônibus itinerante está temporariamente suspenso, devido às medidas para conter o avanço do coronavírus. A ouvidora-geral adjunta, Kathleen Garcia, explica a importância do projeto. “ Nosso objetivo é atender manifestações da população, de qualquer parte do estado, por meio dessa plataforma virtual, de forma personalizada. Vamos ampliar os atendimentos para todos os sistemas, vinculados às secretarias e órgãos de governo e com isso estimular ainda mais, o uso da Ouvidoria-Geral do Estado, por parte do cidadão mineiro”, pontua Kathleen.

Sala Virtual

Para se conectar à Ouvidoria Móvel Virtual, basta clicar neste link. Assim que acessar a plataforma, o cidadão será direcionado a uma sala virtual reservada, para ser atendido por um analista especializado, das nove ouvidorias temáticas da OGE/MG: Saúde, Educacional, Polícia, Fazenda, Licitações e Patrimônio Público, Sistema Penitenciário e Socioeducativo, Ambiental e Agropecuária, Prevenção e Combate à Corrupção, Assédio Moral e Sexual e Desenvolvimento Econômico, Infraestrutura e Desenvolvimento Social.
Os atendimentos da Ouvidoria Móvel Virtual, iniciaram hoje e vão acontecer das 9h às 16h, até o dia 30 de janeiro. 

Canais da OGE/MG

Além desta nova modalidade de atendimento, a Ouvidoria mantém diversos canais permanentes para atender à população.

  1. Site: ouvidoriageral.mg.gov.br
  2. Canal Coronavírus
  3. MGApp, Ouvidoria na palma da mão (disponível para Android e IOS)
  4. Disque – Ouvidoria: 162        
  5. Disque – Saúde: 136
  6. WhatsApp: (31) 99802.9713

Mostra Tiradentes 2021

mostra tiradentes

A 24ª Mostra de Cinema de Tiradentes, evento gratuito, neste ano será realizado on-line, nos dias 22 e 30 de janeiro. A programação que abre o calendário audiovisual de 2021, está bem diversificada, com 114 filmes de 19 estados, com destaque para a produção de Minas. Serão 31 longas, 2 médias e 81 curtas-metragens em pré-estreias e mostras temáticas. Além da participação de 112 convidados no centro do 24o Seminário do Cinema Brasileiro que inclui 24 debates, a série Encontro com os Filmes e rodas de conversa; promove 10 oficinas com a oferta de 225 vagas, realiza performance audiovisual, exposição, shows e atrações artísticas. Mais informações na página: https://mostratiradentes.com.br/.