Notícias

18/09/2019

São João del-Rei e Tiradentes recebem a 7ª edição da Ouvidoria Móvel

A Ouvidoria-Geral do Estado (OGE) vai ouvir a população que deseja manifestar-se sobre os serviços públicos estaduais

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nesta semana, os moradores de São João del - Rei e Tiradentes vão poder contribuir com a melhoria da prestação dos serviços públicos, durante a ação da Ouvidoria-Geral do Estado (OGE), por meio do projeto Ouvidoria Móvel, que irá atender presencialmente as demandas da população das cidades.

Esta edição terá como foco assuntos relacionados à Ouvidoria Especializada de Fazenda, Patrimônio e Licitações Públicas, que também irá acolher demandas de todas as áreas de atuação do governo, como saúde, polícia, educação, meio ambiente e sistema penitenciário.

Na quinta-feira (19/9), a equipe da OGE estará na UAI São João del - Rei, na Av. Josué de Queirós, 910, bairro Matozinhos e no Ipsemg, na Av. Doutor Cid de Souza Rangel, 101- Centro, para atender e registrar as manifestações.  Além disso, a ouvidora de fazenda, Maria Elisa Braz Barbosa, visita a unidade da APAC, SEPLAG, DPMG e IPSEMG. E dando continuidade à ação, na sexta-feira (20/9), a Ouvidoria Móvel estará na Praça Lago das Forras, Rua Silvio Vasconcelos, 86, centro de Tiradentes.  

A ouvidora-geral do Estado, Simone Deoud Siqueira, ressalta que a proposta da Ouvidoria Móvel é ouvir, presencialmente, as manifestações dos pagadores de impostos, dando força à voz do cidadão mineiro, por meio da interlocução entre população e governo, fortalecendo a democracia no país. “A população espera e precisa receber serviços de qualidade e merece o respeito da Administração Pública. Trabalhamos para melhorar, ainda mais, o atendimento a todos. Uma de nossas diretrizes é atuarmos com transparência nas ações em defesa da eficiência e de seus resultados, premissas fundamentais para enfrentarmos os desafios de hoje”, explicou Simone Deoud.

Para a ouvidora de fazenda, Maria Elisa, o projeto é fundamental para o cidadão exercer a cidadania e para o Estado ficar ciente do que é necessário aperfeiçoar e corrigir.  “A Ouvidoria Móvel aproxima Estado e cidadão, pois vai ao encontro da população, onde ela vive, mora e enfrenta os problemas, com qualquer órgão ou entidade pública estadual, e isso precisa ser registrado na Ouvidoria-Geral, que é órgão de controle”, enfatizou a ouvidora de fazenda.

Ouvidoria Móvel:

O projeto, criado em 2012, é uma importante ferramenta de gestão. Atua na identificação dos problemas ao ir até os municípios de Minas Gerais para acolher as demandas da população. O principal objetivo da Ouvidoria Móvel é ouvir os cidadãos, possibilitando à OGE atuar de forma isenta na defesa dos usuários dos serviços públicos. Por outro lado, é uma oportunidade para ampliar a visibilidade da OGE, potencializando sua condição de atuar como instrumento de proteção aos direitos da cidadania e de auxiliar o Poder Executivo na fiscalização e aperfeiçoamento dos serviços e atividades públicas.

Serviço:

Data: 19 de setembro (quinta-feira)
Locais:
UAI São João del-Rei - Avenida Josué de Queirós, 910, bairro Matozinhos - São João del-Rei (MG)
Ipsemg - Rua Doutor Cid de Souza Rangel, 101 - Centro - São João del-Rei (MG)
Horário:  
9h às 12h (UAI) / 14h às 16h (Ipsemg)

Data: 20 de setembro (sexta-feira)
Local: 
Praça Lago das Forras- Rua Silvio Vasconcelos, 86, Centro - Tiradentes (MG).  
Horário: 
9h às 12h