Notícias

05/02/2019

OGE orienta comunidades de Brumadinho

Material informativo é distribuído pela Ouvidoria Geral do Estado à população das comunidades atingidas pelo rompimento da barragem da Vale

 

Em participação efetiva na força-tarefa pró Brumadinho, onde ocorreu o rompimento da barragem B1, na Mina Córrego do Feijão, no dia 25 de janeiro, a Ouvidoria Geral do Estado produziu e distribuiu, milhares de panfletos informativos para orientar a população a se manifestar sobre o caso e também a se proteger de doenças.

De um lado, o material divulga os dois canais criados, exclusivamente, para o recebimento de manifestações relacionadas ao evento. O número, via WhatsApp: (31) 9 9802.9713 e o e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. Do outro, orienta a população sobre medidas preventivas de saúde. Cuidados com a ingestão de água, possíveis substâncias contaminadas e vacinação são alguns itens abordados, além de chamar a atenção para as orientações da Defesa Civil e Corpo de Bombeiros Militar.

Durante atendimento presencial aos familiares de vítimas e à população de comunidades atingidas pela tragédia de grandes proporções, equipes de voluntários entregaram os panfletos e pontuaram as questões contidas no material. A distribuição foi feita nos cinco pontos de apoio - Espaço do Conhecimento, onde familiares das vítimas recebem informações sobre as buscas e identificação dos corpos; Ginásio Poliesportivo Municipal, que é utilizado como depósito central de ajuda humanitária e ponto de distribuição de materiais; Comunidade Parque da Cachoeira, que foi parcialmente afetada pelo desastre; Comunidade Casa Branca, local afetado pela lama; Refeitório central, onde voluntários, funcionários empenhados em diversas atividades e populares, fazem suas refeições.

A iniciativa da OGE, já cogitada pelo Órgão, foi também sugerida por um cidadão, por meio de manifestação, via Whatsapp.